Elementos Nutricionais e Terapêuticos dos Alimentos

Com este blog pretende-se dar uma informação básica sobre os elementos nutricionais e terapêuticos dos alimentos que consumimos todos os dias, sem sabermos o que trazem eles ao nosso organismo. Recorremos a muita fontes, pesquisas, mas sobretudo é produto da experiência pessoal a investigar as propriedades e fins terapêuticos e nutricionais das frutas, plantas e outros alimentos.

Não se pretende diagnosticar nem curar ninguém, mas melhorar a saúde e, portanto, a qualidade de vida dos seres humanos e estabelecer uma relação mais estreita com a mãe natureza.

Ficaremos surpreendidos ao encontrar casos como o da couve ou do repolho, que aplicados sobre uma ferida a descongestiona, desinflama e alivia; que a salva torna as mulheres fecundas, que a abóbora-menina alivia os problemas circulatórios; que a beterraba (nas suas folhas) contém hormonas que ajudam a corrigir os problemas da mulher, que do guaraná se extrai o elixir da longa vida, que o abacate é afrodisíaco, que o aipo tem uma acção calmante do sistema nervoso, que a valeriana deve ser consumida pelas mulheres mas não pelos homens e que o ginseng é bom para os homens, e não para as mulheres; que a alfavaca aumenta o leite nas mulheres grávidas; que friccionar sumo de agriões no couro cabeludo evita a queda do cabelo, que a aveia tira o desejo de fumar, que a Água da Rainha da Hungria, que data do século XVI, é um excelente cosmético que conserva fresca a pele da mulheres, e que se prepara à base de flores de alecrim, e que os melhores anticancerígenos estão nas crucíferas (repolho, brócolos, couve-flor, couves e outros).

A principal recomendação é uma alimentação simples, composta por alimentos que a nossa intuição determine
como melhores para cada organismo e, se conhecermos as propriedades de cada alimento, melhor.

No blog faz-se uma breve resenha de cada alimento, que esperamos seja de grande utilidade em cada lar.
É apenas uma opção de vida que podemos aceitar ou não, mas se a aceitarmos é indubitável que nos trará bons resultados.

O blog “beneficios sociais” não pretende diagnosticar nem substituir os tratamentos médicos. Insistimos em que, do mesmo modo que um alimento pode ser maravilhoso para uma pessoa, pode não o ser para outra, dependendo das diferentes sensibilidades. Por isso, e porque existe sempre o risco de automedicação, nós não se responsabilizamos pelos efeitos ou consequências adversas pelo uso de qualquer das sugestões, preparações ou procedimentos publicados no blog.

16. Outubro 2017 by admin
Categories: Sem categoria | Leave a comment

Leave a Reply

Required fields are marked *


*